Passo a passo para a utilização do crédito

Passo a passo para a utilização do crédito

1 - REGISTRO DO PEDIDO DE UTILIZAÇÃO DE CRÉDITO

 

O pedido de utilização do crédito deve ser registrado mediante o envio dos documentos completos, dentro da validade e de acordo com as especificações. Caso contrário, a sua solicitação será cancelada, sendo necessário o registro de um novo pedido. 

 

a. Preenchimento, assinatura e digitalização do formulário:

 

Para registrar o pedido de utilização do seu crédito, é necessário preencher um dos formulários, de acordo com a titularidade da cota: 

 

• Formulário para Consorciado Pessoa Física

• Formulário para Consorciado Pessoa Jurídica

 

 

b. Preparação dos documentos:

 

Você deve reunir por completo os documentos necessários para a sua análise de crédito e para a análise do bem. 

 

 

c. Envio online da documentação:

 

Para dar início ao registro do pedido de utilização do crédito, o formulário e a documentação completa devem estar digitalizados e deverão ser encaminhados online à administradora.

 

 

2 - ANÁLISE DO PEDIDO E EMISSÃO DO PARECER 

 

 

a. Análise de crédito do consorciado:

 

Os critérios da política de crédito levam em conta o comprometimento da sua renda em relação ao total de parcelas pagas mensalmente na administradora, o histórico do seu comportamento de crédito na administradora e no mercado e a existência de restrições no seu cadastro. As análises feitas consideram:

 

• As informações prestadas no formulário de utilização do crédito; 

• A documentação encaminhada mediante verificação da autenticidade; 

• O resultado de pesquisas e dados de agências de classificação especializadas. Ressaltamos que a decisão da administradora, com base nas análises, visa garantir os interesses do grupo. 

 

 

 b. Análise do bem:

 

• Veículo usado: o bem deve estar regularizado e sem ônus, ou seja, sem multas nem encargos pendentes. O automóvel será vistoriado por prestador de serviços credenciado pela administradora;

• Imóvel: Será analisada a regularidade dos documentos do imóvel e será realizada a vistoria por um engenheiro credenciado pela administradora, que emitirá um Laudo de Avaliação. 

• Vendedor (em caso de compra e venda): Será verificada a existência de restrições no cadastro do(s) vendedor(es) que possam comprometer o imóvel, objeto da negociação, que será dado em garantia.

 

 

c. Autorização de Faturamento:

 

Você será informado sobre o resultado de cada análise, e a aprovação do processo é formalizada pela administradora por meio da Autorização de Faturamento, que será disponibilizada na ocorrência do processo e também envida para o seu e-mail. 

 

 

3 - ENVIO DO DOCUMENTO DO BEM PARA A ADMINISTRADORA  

 

a. Comprovante da compra:

 

Ao receber a Autorização de Faturamento da administradora providencie o documento comprovante da compra do bem, conforme as opções abaixo: 

 

• Se veículo automotor, aeronave, embarcação - zero km:  Obtenha a Nota Fiscal junto ao vendedor, constando a observação de Alienação Fiduciária em favor da administradora de consórcios.  

• Se máquina ou equipamento novo:  Obtenha a Nota Fiscal junto ao vendedor. 

• Se veículo automotor - usado:  

 

- Aquisição de particular: obtenha a cópia autenticada do CRV – Certificado de Registro de Automóvel (antigo DUT), totalmente preenchido e assinado pelo comprador e vendedor, com firmas reconhecidas presencialmente no cartório. 

- Aquisição em loja revendedora:  - Se o Veículo estiver em nome da loja: obtenha a cópia autenticada do CRV – Certificado de Registro de Automóvel (antigo DUT), totalmente preenchido e assinado pelo comprador e vendedor, com firmas reconhecidas presencialmente no cartório. 

- Se o Veículo não estiver em nome da loja: obtenha a Nota Fiscal de entrada, a Nota Fiscal de saída constando a observação de Alienação Fiduciária em favor da administradora de consórcios e a cópia autenticada do CRV  

 

 

• Se aeronave, embarcação - usado:  Ao receber a Autorização de Faturamento da administradora, você também receberá a relação de documentos necessários de acordo com as especificações do bem. 

• Se imóvel de Instrumento Particular (possui força de Escritura Pública): Optando por esta modalidade, disponibilizaremos um contrato denominado Instrumento Particular, elaborado e assinado pela administradora. 

 

 

b. Após o recebimento do Instrumento Particular: 

 

Assinar, colher as assinaturas do(s) vendedor(es) e reconhecer firma da assinatura por autenticidade, presencialmente no Cartório; 

Levar o Instrumento Particular para registro no Cartório de Registro de Imóveis que possui o histórico do imóvel em questão. 

 

• Escritura Pública: Se optar por esta modalidade, você receberá uma minuta de contrato e um extrato contendo as informações necessárias para subsidiar o Cartório de Notas na lavratura da escritura. 

 

 

c. Após a elaboração da escritura pelo Cartório de Notas: 

 

  • Assinar a escritura; 
  • Providenciar as assinaturas do(s) vendedor(es); 
  • Levar a Escritura Pública para registro no Cartório de Registro de Imóveis que possui o histórico do imóvel em questão. 

A administradora deverá ser representada por um funcionário do ponto de venda que que possua procuração para este ato. 

 

 

 

Observações importantes:  

 

  • No caso de utilização de recursos da conta vinculada do FGTS, será necessária a assinatura de representante da CAIXA, autorizando a liberação dos recursos. 
  • Ao optar pela modalidade de Instrumento Particular, você autoriza a administradora a descontar de sua carta de crédito a tarifa correspondente. 
  • No estado de Minas Gerais, alguns Cartórios de Registro de Imóveis não aceitam o Instrumento Particular como documento hábil para realização do registro. Nessa hipótese, o processo deve ser formalizado por Escritura Pública. 

 

 

4 - FORMALIZAÇÃO DO CONTRATO DE ALIENAÇÃO 

 

a. Após o recebimento do compovante da compra do bem:

 

A administradora emitirá o Contrato de Alienação, que será disponibilizado na ocorrência e também enviado para o seu e-mail. 

 

 

b. Após o recebimento do Contrato de Alienação:

 

Ao receber o Contrato de Alienação, imprima 2 (duas) vias, assine e reconheça a firma por autenticidade (presencialmente no cartório de notas). 

 

 

Fonte: Caixa Consórcios S.A.

 

Outras matérias

Simulação Exclusiva

Simulação Exclusiva

Está interessado em crédito:

Para você Para sua empresa

Seja Um Parceiro